A carregar
X
amigasdopeitohsm@gmail.com

A União Internacional de Controlo do Cancro (Union for Internacional Cancer Control) lançou a Campanha mundial “Por Cuidados mais Justos” (“Close the Care Gap”) no passado dia 4, a fim de solenizar o Dia Mundial da Luta Contra o Cancro. Criado no ano 2000, este dia tem como objetivo informar e unir a população mundial para enfrentar um dos maiores desafios de saúde pública. O seu foco é consciencializar, melhorar a educação e promover a ação pessoal e coletiva na luta contra o cancro.

 

O porquê da sua criação?

A doença oncológica aumenta tendencialmente em todo o mundo. Mata cerca de 10 milhões de pessoas num ano (o equivalente à população do nosso país). Estima-se que em 2030 as mortes por cancro possam atingir 13 milhões de pessoas.

É preciso relevar que mais de um terço dos casos de cancro poderia ser evitado, isto é, mais de 3 milhões de vidas humanas a salvo. Outro terço poderia ser curado se detetado precocemente e tratado adequadamente. Ao serem implementadas estratégias apropriadas e recursos para a prevenção, deteção precoce e tratamento poderíamos salvar até 3,7 milhões de vidas todos os anos.

Uma Campanha de impacto a 3 anos

A Campanha mundial “Por Cuidados Mais Justos” foi pensada para inspirar mudanças e mobilizar ações para lá do próprio dia. É uma Campanha com a duração de 3 anos, o que significa maiores oportunidades para construir uma consciência global e com maior impacto.

O tema “Por Cuidados Mais Justos” pretende ultrapassar a falta de equidade e justiça que afeta muitas pessoas. Metade da população mundial sofre de falta de acesso a toda a gama de serviços de saúde essenciais e muitos são cuidados básicos de cancro que são negados. O acesso ao diagnóstico precoce e os novos tratamentos oncológicos salvam vidas! Assim, esta possibilidade deve ser dada a todos, independentemente do seu nível de instrução, rendimento ou local de residência. Existe, ainda, a discriminação baseada na etnia, raça, género, orientação sexual, idade, deficiência e estilo de vida.

       

 

A Campanha trianual constitui um fio orientador para trabalhar um tema específico a cada ano, constituindo a trilogia: Conhecer (2022), Agir (2023) e Desafiar (2024).                           

 

Este é "o ano para questionar e ajudar a reduzir o estigma; ouvir as perspetivas dos doentes oncológicos e as suas comunidades, e deixar que essas experiências vividas guiem os pensamentos e ações. Só assim, podemos começar a imaginar uma maneira melhor de fazer as coisas e construir uma visão mais justa do futuro – um futuro onde as pessoas vivam vidas mais saudáveis e tenham melhor acesso a serviços de saúde.​” - site da Liga Portuguesa Contra o Cancro

 

 

Fontes:

World Cancer Day Campaign Material by Union for International Cancer Control (UICC) 

https://www.ligacontracancro.pt/dmc/

https://www.worldcancerday.org/sites/default/files/2021-12/WCD_BrandGuidelines_ENGLISH.pdf